pt Seta
Parabéns campeões!

Parabéns campeões!

Há 20 anos orgulhosa patrocinadora da Seleção Nacional de Futebol.

20 Anos de Apoio à Selecção

2018 | Portugal no peito e a Galp no coração

Em 2018 Portugal ia à Rússia, mas era por cá que os portugueses faziam a diferença e estavam definitivamente em alta. Portugal está IN e o casting está cheio de bons exemplos.
A portugalidade e o orgulho nacional são os conceitos da comunicação e enchem o coração dos portugueses de vaidade e espírito de pertença, levando cada um de nós “Portugal a peito”.
Portugal tem motivos de orgulho e estão patentes nesta campanha. Campeões da Europa de futebol e de futsal.Campeões do Mundo em futebol de praia. Melhores jogadores do mundo. Melhor chef José Avillez. Vencedor da Eurovisão Salvador Sobral. O Youtuber Wuant. Vinhos que colecionam medalhas. Surfistas de elite. Tenistas campeões. E todos se juntaram para levar “Portugal a peito”.

2016 | Deixa tudo em campo

Portugueses deixam tudo em campo. Ao lado da seleção no Europeu está mais de um milhão de portugueses a viver em França. Portugueses que todos os dias deixam tudo em campo, conquistando admiração e respeito com talento, esforço e muito trabalho. A Galp, patrocinadora oficial da seleção, apresenta as histórias de alguns deles. Que o seu exemplo nos inspire a todos e à equipa de todos nós!

2014 | Portugal é Mundial · A Galp é Portugal

No Mundial de 2014, a Marca dá à ideia de globalização uma nova forma, ser português é mais que uma nacionalidade é uma maneira de ser, é mundial. A Galp está em todo o mundo onde há um português, Galp é Portugal no mundo.

2012 | O mensageiro da Nação

Portugal, mais do que ganhar, precisava de levantar a sua moral e de acreditar no seu valor. A Seleção Nacional encabeçava essa ambição e esse sonho de ser grande e de conseguir. Era todo um país que estava com aqueles 11, eram milhões.

2010 | Portugal a uma só voz

Em 2010 um País inteiro juntava-se num coro de apoio à Seleção e a Galp dava-lhe o instrumento para fazer chegar mais longe a sua voz.
A campanha de apoio à Seleção Nacional da Galp “Um minuto de energia positiva” é a mais recordada de sempre entre as campanhas da Marca e a nação juntou-se para levar mais longe a sua voz, através da “barulhenta” Vuvuzela.
A campanha ultrapassou também os índices de notoriedade mais elevados de sempre da Galp que estavam nas mãos da Menina do Gás, que lançou a Pluma e gerou um índice de notoriedade de 89%.
A Vuvuzela teve horas de programas de rádio e televisão, numa ação bastante mediática em que, vários portugueses conhecidos a faziam soar rumo ao sucesso da seleção.

2008 | Os portugueses conduzem à vitória

Indissociável da Seleção Nacional, em 2008 a Galp leva a ambição e o sonho dos portugueses até à Áustria, mostrando que é toda uma nação que se une para conduzir a Seleção rumo à vitória e que o empenho conjunto gera a energia que nos leva mais longe, num veículo movido a Energia Positiva.
Depois de ter sido o País anfitrião da última edição do Euro, Portugal vibra agora de forma ainda mais intensa com a sua Seleção. A Galp alimenta a ambição e o sonho de chegar mais longe e de aplicar uma Energia Positiva ao resultado.

2006 | Um país a sonhar

A campanha que marca a indissociável ligação entre a Galp e a Seleção Nacional conhece, em 2006, o seu arranque mais emblemático, naquele que é o hino de todo um país que sonha ir mais longe. A Galp afirma a sua liderança em Portugal e deixa Portugal a sonhar com a liderança no Mundo.
“O “Menos ais”, convocando os fãs a exigir mais da seleção, uma metáfora do que uma Marca, uma empresa e o cidadão devia fazer com as suas vidas.” “Era uma abordagem nova. Ganhámos. Nós, a BBDO. A Seleção quase ganhou. A Galp ganhou de certeza. Assim disseram os números.” - Pedro Bidarra, Copywriter e Consultor de Comunicação e Marketing.
“A campanha de apoio à Seleção Nacional da qual resultou o hino “Menos ais”, cuja letra tive o privilégio de escrever e que se veio a tornar um hit. Descobrimos que os jogadores ouviam o “Menos ais” no autocarro da equipa a caminho dos jogos do Euro 2004. Houve uma certa sensação de missão cumprida, confesso.” - Nuno Jerónimo, Copywriter.

2004 | Um hino para todos os portugueses

A Galp era a Marca da Seleção e foi responsável pela criação, não de um jingle, mas de um verdadeiro Hino “Menos ais”, que juntou todo um povo em coro e que se ouve e vê por toda a parte.
A campanha tem como embaixador o Luís Figo, o que se reveste de grande importância estratégica para a entrada da Marca no mercado espanhol, para além de, internamente, ter criado forte ligação emocional da Marca com o público.
 A Seleção não ganhou o Euro, mas isso pouco importou. Afinal, Portugal ganhou, a organização ganhou, os portugueses ganharam e com tantos vencedores, a Galp também ganhou.

Imprimir

Partilhar: