Exploração & Produção na Namíbia

Conheça o negócio de Exploração & Produção na Namíbia.
   
Consórcio: Galp (Operador, 80%) National Petroleum Corporation of Namibia (NAMCOR) (10%) Custos (10%)
Área: 20.000 km²
Tipo: Offshore
Profundidade da água: 180-2.500 metros

Em 2012, a Galp assinou um acordo de farm-in em licenças de exploração petrolífera localizadas no offshore da Namíbia:

  • PEL 23 na bacia de Walvis;
  • PEL 28 na bacia de Orange.

Como parte da campanha exploratória realizada em 2013 foram perfurados três poços, dois na bacia de Walvis e um na bacia de Orange, embora nenhum resultasse numa descoberta comercial.

Em 2016, a Galp chegou a acordo com o Governo da Namíbia para assegurar as licenças de exploração na PEL 82, anteriormente PEL 23, na bacia de Walvis, e na PEL 83, anteriormente PEL 28, na bacia de Orange.

Em 2018, a Galp procedeu ao processo de farm-down de uma participação de 40% na Licença de Exploração de Petróleo (PEL) 82 com uma subsidiária da ExxonMobil. A conclusão da transação está sujeita à satisfação das condições precedentes habituais, incluindo a aprovação pelas autoridades Namibianas competentes. Após a conclusão da transação, a Galp e a ExxonMobil deterão uma participação de 40% cada na licença, com a Galp a permanecer o operador da mesma.

As concessões cobrem uma área total de cerca de 20.000 km2 e estão localizadas em províncias emergentes, em que a existência de hidrocarbonetos já foi comprovada.

A Empresa continua com a avaliação geológica da área e o processamento da sísmica 2D adquirida nos blocos da bacia de Orange.